Notícias Relacionadas

Newsletter

Sexta, 09 de Fevereiro de 2018 - 10h49

SC dobra faturamento com exportações de carne suína

Vendas para o mercado chinês renderam ao setor US$ 20 milhões

DATAGRO

O faturamento com exportações de carne suína em Santa Catarina foi impulsionado pelo mercado chinês em janeiro. No mês passado, os chineses compraram US$ 20 milhões do produto, o dobro da receita registrada em dezembro/17. O volume dos embarques também foi maior, com 9,7 mil toneladas, elevação de 110,5%.

Segundo informações da Secretaria da Agricultura, a ampliação das vendas para a China acabou contribuindo para que Santa Catarina entrasse em 2018 com saldo positivo nas exportações de carne suína. Em janeiro, o estado embarcou 25 mil toneladas do produto, 10,2% a mais do que no último mês de 2017. O faturamento com as vendas internacionais também teve alta de 4,2% e fechou em US$51,3 milhões.

LEIA TAMBÉM: Carne suína: com exportações para China e Hong Kong, Brasil compensa embargo da Rússia 

Em comparação com janeiro de 2017, os embarques de carne suína tiveram uma pequena queda tanto na quantidade (-1,7%) quanto no faturamento (-6,7%). O que pode ser explicado pela suspensão das vendas para Rússia, maior comprador da carne suína catarinense no último ano (102 mil toneladas).

Com a saída temporária da Rússia, a China passou a ser o maior mercado para a carne suína produzida no estado. Em relação ao primeiro mês de 2017, as vendas para o mercado chinês foram 69,6% maiores em janeiro e o faturamento aumentou em 71,9%.  

Santa Catarina segue como o maior produtor e exportador de carne suína do país. O estado foi responsável por 46,9% de toda carne suína vendida pelo Brasil em janeiro.  

 

Link

Compartilhar