Notícias Relacionadas

Newsletter

Quinta, 05 de Outubro de 2017 - 12h08

Uma outra eletrificação para a mobilidade

Motor de combustão interna foi adotado como solução ambiental e energética para a mobilidade

* Plinio Nastari

Desde o final do século XIX, foi adotado o motor de combustão interna como solução ambiental e energética para a mobilidade. Quando se popularizou na virada do século, foi saudado como uma grande solução ambiental. Em 1880, mais de 100 mil cavalos supriam as necessidades de transporte na cidade de Nova York, mas geravam, também, graves problemas sanitários e de logística. 

O mesmo ocorria com as grandes cidades europeias. Era necessária uma grande infraestrutura de transporte e armazenagem para alimentar os animais com feno e grãos. Era gerada uma quantidade enorme de esterco, que atraía moscas e outros insetos, além dos animais mortos nas ruas, retirados ocasionalmente dos logradouros. 

Em 1880, carcaças de mais de 15 mil cavalos mortos foram retiradas das ruas de Nova York. Mas, não eram apenas equinos: uma grande quantidade de caprinos, suínos e outros animais convivia com os habitantes das cidades.

Leia o artigo na íntegra no site do Valor Econômico

* Plinio Nastari é presidente da DATAGRO e membro do Conselho Nacional de Politica Energética

Link

Compartilhar