Notícias Relacionadas

Newsletter

Sexta, 09 de Fevereiro de 2018 - 09h44

Paraná quer revisão no preço mínimo do trigo

Solicitação pede um reajuste 16,4%, devendo passar de R$ 37,26 a saca, atualmente, para R$ 43,38

DATAGRO

Com objetivo de estimular o plantio de trigo no País, o secretário de Agricultura do Paraná entregou ao ministro da Agricultura, Blairo Maggi um documento que solicita o reajuste no preço mínimo pago aos produtores e apoio à comercialização.

Segundo informações da secretaria da Agricultura, o documento foi elaborado em conjunto com os produtores rurais e cooperativas de produção do Estado. A solicitação pede um reajuste 16,4% para o trigo tipo 1 da classe pão, devendo passar de R$ 37,26 a saca, atualmente, para R$ 43,38 a saca com 60 quilos. 

A publicação, defende, ainda, um reequilíbrio dos custos operacionais da cultura para que os produtores não sejam ainda mais desestimulados. A área de plantio de trigo no Brasil, onde o Paraná se destaca como maior produtor, caiu 9,5%, que corresponde a uma perda de 201 mil hectares a menos de trigo no campo. 

Essa redução vem ocorrendo desde 2015 e um dos principais fatores de desestímulo tem sido os preços recebidos pelos produtores, que não cobrem os custos de produção e o preço mínimo estabelecido na Política de Garantia de Preços Mínimos na hora da comercialização.

Link

Compartilhar