Notícias Relacionadas

Newsletter

Quarta, 13 de Setembro de 2017 - 08h15

Com preço do frete menor, SC pode importar milho do Paraguai

Secretaria da Agricultura estima redução de 70% no preço do frete com cereal trazido do país vizinho

DATAGRO

Santa Catarina estuda a possibilidade de importar milho para abastecer as cadeias produtivas de suínos, aves e leite. O tema estará em debate durante evento que será realizado na cidade de Encarnación, no Paraguai.

Segundo informações da secretaria de Agricultura, a intenção é que o milho saia do Paraguai, siga para Argentina (passando pela Provincia de Misiones em direção a Bernardo de Irigoyen) e chegue até Dionísio Cerqueira. Com essa rota, o custo no frete poderia cair em até 70%.

Caso a "Rota do Milho" se concretize, o milho estará a 354 km de Dionísio Cerqueira, onde já existe um serviço de aduana, e a 555 km de Chapecó, maior centro de consumo do grão em Santa Catarina. Quase metade do trajeto feito pelos caminhões que trazem milho do Mato Grosso, por exemplo.

Link

Compartilhar